20/06/2017

Resenha: Menina Má - Maria E. Rodrigues

 
Olá amores!
Resenha nova. (Uhrruu!!)
Conheçam... Menina má. 
Desejo que vocês se apaixonem e viagem com a história.

 
Menina Má - Maria E. Rodrigues
Sinopse: A Nova Melissa Adams é uma garota descolada e sensual e não quer ser mais a puritana garota tímida do interior, aquela Mel ficou para trás junto com a pacata cidade em que viveu por dezoito anos. Ela muda-se para outra cidade para estudar o ensino médio.
Nessa nova cidade, acaba conhecendo Ashley Peterson, uma garota doce e certinha que tem um irmão mais velho ciumento e protetor. Thomas Peterson é um universitário antiquado e machista que não gosta nem um pouco da amizade de sua irmã Ashley com a Melissa Adams. Ele considera Melissa uma péssima influência para Ashley. 
A Mel não é nada romântica, ela quer somente se divertir e conhecer os californianos sarados. Aproveitando assim o melhor da vida. Ela se considera uma garota esperta o suficiente para não se apaixonar e acredita que contos de fadas não existem. Por outro lado, ao conhecer Thomas, percebe que se apaixonar não era algo tão fácil de evitar... E que os opostos? Realmente se atraem.
Thomas Peterson não tem ideia da confusão que a sua vida irá se tornar com a chegada da atraente, quente e menina má: Melissa Adams.
Adquira o seu: Aqui.
Conheça um pouco mais sobre a Autora: Aqui.

 
 
Resenha

Menina Má - Maria E. Rodrigues

Menina má é uma história que combinou com meu perfil de leitora.
Cheia de brigas, altos e baixos e adolescentes rebeldes.
Mel, é uma menina ousada e rotulada como " fácil " na escola onde estuda. Eu diria que ela apenas vive a vida sem receios.
Melissa, sempre teve o sonho de morar sozinha e sair do domínio dos pais. Até que conseguiu se mudar para San Francisco, arrumar emprego e conquistar uma bolsa na conceituada Geroge Washington High School. Foi aí que sua liberdade começou.

"Assim que me mudei, decidi que não seria a-garota-tímida-do-interior. Comecei mudando meu guarda-roupa, nada de casacos de caxemira, e aquelas roupas nada atraentes que eu usava antes. Preferi as mais ousadas, short curto, minissais, decotes e muita transparência. A sensualidade era meu nome, baby."

Mel, tem uma melhor amiga. E, é na festa de 17 anos da Asheley, que seu mundo começa a virar de cabeça para baixo.

"Quando olhei para porta, fiquei paralisada ao ver uma figura masculina a minha frente, um verdadeiro deus grego. Alto, forte, cabelo desgrenhados castanho escuro, vestindo jeans, camisa de flanela e casaco preto.  Ele mantinha os braços cruzados e, seus olhos azuis cinzentos estavam vidrados em mim"

Thomas Peterson, é o tipo cara de cara que toda mulher deseja. Bem sucedido, centrado, extremamente correto,  lindo e avesso à pessoas que se arriscam sem necessidade.
Já deu para perceber que o encontro dele com Melissa não será muito agradável.

" - Eu conheço bem o seu tipo garota, o seu joguinho, você não me engana. Assim que eu pus meus olhos em você eu percebi logo o que você é. "

Para Thomas, ter uma vida regrada é essencial.
Para Melissa, quebrar as regras é inevitável.
Talvez, dessa química improvável, possa surgir algo verdadeiro.

"Era tão dificil ter que lutar contra este sentimento. Eu simplesmente cansei de evitar o inevitável, o que estava óbvio desde o dia em que pus os olhos em você"

O livro é repleto de intrigas e amores não correspondidos. A melhor parte é acompanhar o desenvolvimento dos personagens. A partir do momento que Thomas e Melissa decidem assumir o que sentem, as coisas param de dar errado e os caminhos começam a se encaixar.
A autora montou um roteiro incrível, a trama prende do começo ao fim. Talvez falte um pouquinho de atenção com a revisão, mas isso não interfere no quão boa é a história.
Espero que vocês tenham a oportunidade de ler e se apaixonar pelos personagens.
Maria, quero livro para o Derek... (PLEASE!!!)
Como sempre, deixo a frase que mais me marcou durante a leitura.
 

"Meu coração entrou em guerra com a razão"


É isso.
Espero que tenham gostado.
Até a próxima!

09/06/2017

Primeiras Impressões - O Bosque de Faias- Amanda Bonatti


Olá leitores,
Trazendo pra vocês minhas primeiras impressões do novo romance da Autora Amanda Bonatti da obra O Bosque de Faias, que está sendo postado no wattpad e você pode acompanhar essa obra que está me deixando cada vez mais apreensiva em descobrir o desenrolar dos acontecimentos.



     Sinopse:
    O bosque de faias é um romance que se passa na França em 1816.
    Joana é uma jovem francesa do século XIX, criada no seio de uma família pertencente à burguesia. Seu pai, Frederico Hour, é proprietário de algumas terras da região, e embora a família viva confortavelmente, ele busca através do casamento das filhas, uma maior posição social.
    No entanto, Joana, a sua filha mais velha, se recusa a aceitar qualquer casamento arranjado. Ela anseia por sua liberdade em escolher seu par e também sobre o momento em que isso irá ocorrer. Porém, em uma época em que os pais ditavam as regras e firmavam acordos nupciais unicamente baseados em dotes e interesses, ela precisará usar de toda a sua força e rebeldia para alcançar o que quer.
Não deixem de acompanhar no wattpad e depois nos conte o que achou. Link: Aqui.


Primeiras Impressões
 
A questão de participar dos projetos de primeiras impressões é que você já sabe que vai sofrer..rs, pois você tem apenas a degustação e termina sempre na parte que te deixa ansiosa e apreensiva pra saber mais e mais..(como sofremos..ahhh).
E com essa obra de Amanda não foi diferente, que estou apaixonada e logicamente sofrendo..rs.
O Bosque de Faias é um romance de época, que se passa no século XIX, o que já me conquistou mesmo antes de começar a ler  (Amooooo de paixão), fico fascinada pelas descrições, gestos, e linguagens quando se trata desses tempos e pelo que li ate o momento, Amanda descreve lindamente e com seu toque especial poético que encanta ainda mais leitura.
Vamos conhecer a família de Joana Hour, seus pais Frederico e Anastasia e suas irmãs Sophie, Rebecca e Amalia. Como naquela época a tendência era que a irmã mais velha tinha que se casar primeiro que no caso era Joana, seus pais se esforçavam muito para tentar casar a filha só que tem um porem, Joana não quer se casar..rs. Amei a Joana desde o primeiro momento e ri horrores dela também, ela é o tipo de pessoa que tem aquele humor negro, irônica ,determinada e não tem medo de  dizer o que pensa, simplesmente amável...rs.
E com isso ela faz o necessário para se livrar dos tais pretendentes que lhe é apresentado. Só que um belo dia por um acaso ela se depara com um cavalheiro chamado Alexandre (só que ela não sabe seu nome), que passa onde estava lendo em seu cantinho secreto o chamado bosque de faias “seu refugio”, claro que não foi uma primeira impressão boa para nenhum dos dois mas garanto que bem engraçada e um sentimento desconhecido surgindo desse encontro.
 
Na cidade que  Joana mora está para chegar uma família muito rica e distinta, os irmãos Motier solteiros e então imaginem a euforia das moças e pais já de olho para conseguirem um casamento vantajoso para suas filhas e os pais de Joana não pensam diferente, claro que só a Joana pensa diferente..rs.
Só que acontecem umas confusões e enganos de identidade que incluem Alexandre e um dos irmãos Motier, o que é onde eu me deparei com o termino da degustação e então imaginem meu desespero pra saber o que vai acontecer, o desenrolar dessa confusão, e além da irmã de Joana, a segunda filha chamada Shopie que não se dão muito bem, que apronta também, ou seja, muitas coisas ainda vão acontecer e serem esclarecidas.
Então lhes indico com toda certeza que grandes emoções e aquela pitada de romance nos aguardam.
Não deixem de acompanhar no wattpad e depois nos conte o que achou. Link: Aqui.
 

 


05/06/2017

Resenha: Amores e Desamores (contos) - Renata R. Corrêa



Oi, amores!
Resenha? Sim!
Resenha de um livro de contos magnífico, muito bem escrito e que poderia virar uma história completa! (Re, isso foi uma indireta. Hahahaha)
Bom, leitores.... Leiam Amores e Desamores, esses pequenos contos são incríveis.



Sinopse:


Nesta coletânea de 11 contos curtos, a autora narra de forma delicada, característica da sua escrita, histórias de amores que deram certo e de outros que não terminaram bem, dividindo com o leitor a angústia, o sofrimento e o medo de seus personagens, bem como seus sonhos e suas alegrias.
Encontre Aqui.




Resenha

Eu nem sei por onde começar, minha vontade é de colocar o livro todo aqui!

“ A gente se acostuma a tudo na vida, ao que é bom e ao que é ruim....” 

Vou dar voz a essa frase, porque ela é a realidade do mundo e um dos tantos ensinamentos que o livro de contos Amores e Desamores, trás.
A autora escreveu vários textos, neles ela descreve formas de amar.

Amar sozinho...

“ Mesmo sabendo que não deveria, ela fraquejou e voltou a ficar com ele, mas o garoto nunca mudou...”

Amar por dois...

“ Pobre, Catarina! Ela amava demais! E o que lhe aconteceu? Ah, isso eu não sei...”

Amor próprio... 

“ E ela seguia a vida assim: Seduzindo o mundo despretensiosamente. Ainda não tinha provado o amor, dos seus sabores e dissabores. O amargo e o mel. Era dona do seu destino e  convicta disso se contentava com a vida dessa forma”

Amar sem ser amado...

“ Ele foi embora. Ela sofreu, chorou, seu mundo desabou...”

Amar e ser amado mas não permanecer juntos (Sim! As vezes escolhas levam ao fim algo que nasceu para se belo)...

“ O namoro terminou triste assim: Entre lágrimas de amor  e afagos no cabelo, carícias no rosto e um abraço apertado que parecia não ter fim. Não pediram perdão apenas se lamentaram”

E aquele amor que todos procuram.... Amor recíproco!

“ O amor durou muitos anos, uma vida...”

Eu diria que o livro é pura poesia!
Não só por falar das várias formas de amores e desamores, mas porque a escrita da autora é tão encantadora que parece rimar. Eu me vi em cada parte das pequenas histórias, em cada decepção ou felicidade por um simples elogio. Em cada amor não correspondido ou paixões perdidas. Toda a realidade de milhares de pessoas contadas em pequenos contos.
Os 40 minutos que levei para ler todo o livro, me trouxe pensamentos para uma vida. O ser humano tem dessas, de se acomodar com o que não faz bem, pelo simples fato de carregar um medo gigante da mudança. Não se acostumem, não se acomodem, não se diminuam para caber em algum lugar. Ouse, arrisque e busque a felicidade completa, não só metade dela!
Foi tudo isso que esses pequenos pedaços de histórias me ensinaram.
VOCÊS PRECISAM LER! E além de ler, assimilem os conselhos de cada linha.
Não vou conseguir escolher só uma frase, então, vou deixar as que mais me encantaram.

“ Simples assim: o amor tinha acontecido (porque o amor é mesmo um acontecimento)

" Acredito que somos capazes de amar inúmeras vezes, não concordo com a teoria de que " só se ama uma vez" , portanto, se você já teve o coração partido por amor, quer seja por uma traição, ou por um término inesperado, ou mesmo pela morte do ser amado, acredito que seja capaz de amar novamente, e desejo que aprenda a confiar de novo e a se entregar a esse sentimento que nos move e faz a vida ter sentido"

“ Olhou-se no espelho. Ajeitou os fios despenteado com os dedos, alisou a própria face com a mão e, de repente, seus olhos brilharam. E ela sorriu para a sua imagem refletida. Um Sensação de alegria encheu-lhe a alma e um sopro de esperança percorreu seu corpo” 

“ Mas no momento em que secava as lágrimas  com as mãos. Sentia que de alguma forma seria forte o bastante para fazê-lo. Poderia demorar, mas ela se recuperaria e um dia voltaria a amar”

“ É.... Às vezes, o amor pega as pessoas de surpresa”

É isso.
Espero que tenham gostado!
Até a próxima.